terça-feira, 30 de julho de 2013

Entre Balanças e Peixes

Sou balança de signo e como tal, deveria ser respeitado o facto de nós não conseguirmos decidir o futuro apenas com a opção de "sim" ou "não". Não gostamos de instabilidade, mas ela vem sempre parar ao nosso prato. Cortamos os pulsos pela paz, estabilidade e justiça no mundo, e como tal, todos os dias Eles Fazem questão de nos colocar à prova. "Habituamo-nos" a viver fora da monotonia, mas sempre em contra peso com a Decisão. O meu ascendente Peixes dá-me uma indecisão maior: decidir com a emoção.
Detesto quando a distância do Futuro se mede em três letras...

Sem comentários:

Enviar um comentário