quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Caminho

Voltar ao mesmo lugar passado um ano. Ao mesmo lugar? Impossível. Voltar? Impossível. Pelo lugar passaram chuvas e ventos diferentes, borboletas, formigas, animais e por aí. E quem passou por lá carrega agora outras histórias e memórias. 
Nunca volto ao mesmo lugar, mas chego sempre ao sítio onde o destino me faz voltar. E enche-me a alma tornar a visitar a mesma sorte. Há tantos Caminhos para trilhar, e o mais fascinante é que Todos vão Lá dar. E os Caminhos servem para fugir ou para chegar? Para perder ou para encontrar? 


1 comentário: