segunda-feira, 24 de março de 2014

Música certa, tempo certo

E é assim que, após doze horas fora de casa, consigo encontrar energias para entrar numa luta contra o tempo. Entrar em casa, de rastos, e receber esta música dá para dançar três ou quatro vezes seguidas a sorrir! E de tanto se enchem os pés de ritmo que, o frio que os atormentou durante o dia fica de lado, e com eles vou até ao frigorifico buscar uma cervejinha a lembrar as noites de verão!

Ora escutem... (e dancem, se possível!)... a luta contra o tempo vai continuar!


Sem comentários:

Enviar um comentário