sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Pés nas férias

As minhas ainda não chegaram, mas já há muita gente que as recebeu... as férias. Para além de toda transformação pessoal (uns para bem, outros para mal) que ocorre neste período de vida, há um fenómeno que me deixa sempre encanitada. O caso das fotografias "com pés". Não disse fotografias "aos pés", isso é diferente, aí a intenção é mesmo a de fotografar aquelas extremidades do corpo. Não que esse ritual me assista, talvez porque não gosto mesmo das barbatanas que tenho, mas considero-o uma fotografia normal, que capta com intencionalidade uma parte do corpo humano. Agora, vermos fotos paisagísticas, lindas, de sítios bem apetecíveis, com um mar turquesa que convida ao mergulho, uma areia branca que nos leva à sensação de spa... e depois com dois pés escarrapachados à sua frente?!?!!?! "Olha que lindo mar, que lindo azul, ai que céu maravilhoso, etc., etc. e ... quê? porque é que estão dois joanetes aqui à frente?! Podem, por favor, retirá-los da paisagem para que eu possa continuar a sonhar?" "Obrigada pela foto, pela sensação que causa...mas já tiravas daí os presuntos, não?!" Quem não quer ver, não vê, é certo, mas o que eu queria mesmo perceber é o porquê da coisa. Será para mostrarem que os fotógrafos - donos dos pés - estavam mesmo lá? Será por gostarem tanto dos seus pés e acharem que a paisagem só tem a ganhar com eles? Será para deixar aquele "suspense"... "já subias mais o centro da foto e deixavas ver o biquini"? Será porque dessa forma se exorcizam os maus espíritos que se entranham nas unhas dos pés?! Porque estão a fazer publicidade ao ortopedista que lhes resolveu o joanete, ou à esteticista que aplicou as unhas?! Serão simplesmente podólatras?! Ou será uma fotografia como outra qualquer? Mas a constante do tema é que me encanita os pensamentos... Eu não critico, só queria mesmo perceber porquê. Estarei de férias uns dias, e em princípio não fotografarei os meus pés, mas se por ventura eu conseguir uma foto com uma paisagem muito bonita, idílica mesmo... eu prometo que vou arranjar as barbatanas ao photoshop, coloco-os em cima do contexto, depois deixo o registo aqui e explico a sensação...

Em todo o caso aqui ficam alguns exemplos do que me refiro... digam de vossa justiça















1 comentário:

  1. Ai Rita...o que eu já me fartei de rir com este teu texto dos "presuntos"!!! Concordo em pleno contigo...e eu que detesto os meus pés, tenho que levar com os dos outros...
    beijos linda!

    ResponderEliminar