terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Dia 29 de Janeiro


E se uma das razões do "Beijo Sabura" existir é obrigar-me a, todos os dias, descobrir um pequeno nada especial... os de hoje são bem leves, pequenos e quase insignificantes, como bem queremos!

Dia 29 de Janeiro... o São P. (para não dizer nomes de pessoas governantes/feias) deu tréguas e o Sol venceu. 

Dia 29 de Janeiro... fiquei tão feliz quando, ao conduzir, voltei a ouvir o assobiar do vento! Há quanto tempo não andava de janela aberta no carro! 

Dia 29 de Janeiro... fiquei tão feliz quando voltei a sentir calor na rua! E tanto, ao ponto de pensar "está na altura de deixarmos as "ovelhas da Serra" de lado e passarmos às "cabrinhas Caxemira".

Dia 29 de Janeiro... fiquei tão feliz porque senti cheiro a Primavera! 

Dia 29 de Janeiro... dei uma aula acompanhada com cinco gaivotas e oito Guerreiros do Arco-íris!

Dia 29 de Janeiro... fiquei com um sorriso porque, pela primeira vez na vida, ouvi chamarem-me "Patroa". Não era um meu empregado, e nem o vento diz isto assim. Era somente o cantoneiro da Câmara a querer vender-me os seus serviços particulares de jardineiro e a querer envergonhar-me pelo aspecto selvagem dos canteiros cá do Condomínio... "Oh Patroa, isto ficava mesmo bem era cortadinho, n'era?! Mas... (e faz aquele esfregar entre dedo polegar e indicador). Pois é, pois é... é que ficava mesmo bonito, Patroa". Já valeu pelo "Patroa", deixe lá o resto que a malta gosta de apreciar os ciclos da natureza!



Sem comentários:

Enviar um comentário