segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Bolas de pêlo

Às vezes, as bolas de pensamentos na garganta são tão grandes que me sinto uma espécie de gato... é a única altura da vida em que prefiro as de cotão, passamos o aspirador e já está!



Sem comentários:

Enviar um comentário