quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

O impacto da mudança de look - de surfista a franjinha


Passar do longo e escadeado (segundo a minha Sabine - estilo surfista) para o longo, escadeado e com franja (estilo Audrey Hepburn) são os factos. Várias vezes fiz esta passagem mas, já há alguns anos, que não optava por ela. Sem problema deixei-me levar nas mãos do pirata das Caraíbas (também ele uma novidade para nós) no WIP (cabeleireiro). Confio inteiramente na Sabine, e ela já sabe o que pode ousar, o que gostaria mas não pode fazer, até onde pode cortar, etc. Nunca tive grandes problemas com os cortes. Até aos catorze anos foi sempre curto e depois disso, sempre longo e escadeado. Para além disso penso sempre: "mesmo que corra mal, ele é natural e cresce, é sempre assim". Antigamente os comentários eram unanimes. Mas desta vez, apercebi-me da notória diferença de opinião entre géneros e idades. Vejamos:

Mulheres - "oh que lindo", "ficas tão feminina", "uau assim abre mais o rosto", "fica-te mesmo bem", "pareces muito mais nova"...(somos lindas e queremo-nos femininas, certo?!)

Homens - "uau, grande corte", "eh lá é preciso coragem", "pareces uma freak do bloco", "andas a mudar de vida?", "pareces uma francesinha arejada"... (faltou aqui o quê?! "está horrível" ou "está bonito", é mais ou menos uma opinião à Marquês de Pombal...dás voltas e voltas e nunca acertas na saída certa...)

Criança género feminino - "eh pá, 'tás bueda feia", "o que é que te aconteceu?!", "passou-se"...(somos tão sinceras e poderosas com as nossas companheiras de luta)

Criança género masculino - "'tás muito gira", "pareces a X e a Y", "ficas mais nova", "assim já namorava contigo"...(com a tua idade até podias ser minha mãe, mas com esse corte até me apaixono por ti)

Tendo em conta a amostra e após verificação dos gráficos, concluímos: 

Tema: "O impacto da mudança de look - de surfista a franjinha"

Resultados:
Quando são pequenAs querem ser umas adultas rebeldes e ousadas.
Quando são pequenOs querem as adultas, com ar de criança, para suas namoradas.
Quando são adultAs adoram que elas se pareçam mais novas.
Quando são adultOs adoram que elas se pareçam adultas rebeldes e ousadas e que tomem conta deles, não como mamãs, mas deixando a sua vida em completo desequilíbrio e sem monotonia. 

O que querem as meninas, mais tarde querem os adultos. O que querem os meninos, mais tarde querem as adultas.
Tudo isto foi provocado pela falta de umas gramas de cabelo que, daqui até ao verão, voltaram ao estilo surfista, desgrenhado e salgado. 

Sem comentários:

Enviar um comentário